Cropped shot of a young woman examining her skin in the bathroomhttp://195.154.178.81/DATA/i_collage/pi/shoots/783545.jpg

Preocupação com o espelho em excesso

A imagem corporal é um dos pilares da autoestima e a insatisfação com o corpo é o fator mais relevante e o principal motivador na procura para procedimentos de cirurgia plástica estética. 

O procedimento estético pode melhorar a qualidade de vida de várias pessoas, porém alguns pacientes que procuram o processo possuem transtornos depressivos (TD) que podem evoluir no pós-operatório de forma desastrosa do ponto de vista psicológico e até mesmo podendo evoluir para o suicídio.

Entre os pacientes que procuram uma consulta para um procedimento estético, até 47,7% se enquadram nos critérios para um transtorno mental, também chamados de transtornos depressivos, segundo a revista brasileira de cirurgia plástica.

Ainda segundo a revista, aproximadamente 20% dos pacientes de cirurgia plástica estética relataram tratamento psiquiátrico e 18% uso de medicação antidepressiva. Com a ilusão de conseguirem o corpo perfeito, pacientes buscam na cirurgia a diminuição de suas angústias e sentimentos de constante insatisfação.

Pacientes que possuem transtornos depressivos (TD) podem evoluir uma imagem corporal negativa de forma inadequada ou mesmo desastrosa no pós-operatório, mesmo com um resultado cirúrgico adequado. A insatisfação pós-operatória geralmente é causada por desapontamento emocional, por quebra de expectativas. Pacientes depressivos podem desencadear desde simples queixas, reclamações, insatisfações chegando até em casos extremos evoluírem para o suicídio.

Pacientes de cirurgia plástica estética deverão ser avaliados adequadamente para identificação daqueles com possíveis TD no pré-operatório, para, assim, tentar se evitar evolução pós-operatória desfavorável. 

Quer saber mais sobre cirurgia plástica? Continue acompanhando meu blog e me siga através das redes sociais

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp