5ipgzi414jj548bal5h15tpbl

Tratamentos não-invasivos para gorduras localizadas?

A procura por tratamentos não cirúrgicos para a redução de gordura tem aumentando e hoje é cada vez mais comum que pacientes fiquem em dúvida se deve optar por uma cirurgia plástica ou por um tratamento menos invasivo.

Para quem ainda tem dúvida se deve optar pela lipoaspiração ou por outros procedimentos menos invasivos como, por exemplo, a criolipólise, aqui está a minha opinião sobre esses procedimentos.

Sou radicalmente contra a introdução de qualquer produto para derreter gordura, isso já deu até morte porque aquela gordura derretida teve que ser excretada e o rim não deu conta. Falando exatamente isso, estamos salientando que o procedimento cirúrgico é sim o mais seguro e não esses outros procedimentos não cirúrgicos em termos de derretimento de gordura não devem ser realizados.

Para quem não sabe, a lipoaspiração é um método cirúrgico invasivo que se baseia na aspiração da gordura localizada por meio de um tubo. Para a realização do procedimento é necessário aplicar anestesia, seja local, geral ou peridural. O método pode ser classificado em pequeno, médio ou grande, variando de acordo com a quantidade de gordura a ser retirada e partes do corpo abordadas.

Conheça as vantagens da lipoaspiração:

• A lipoaspiração é uma cirurgia, devendo ser realizada apenas por um cirurgião plástico.
• Na lipoaspiração podem–se tratar várias regiões ao mesmo tempo. A criolipólise é realizada em sessões, sendo que uma ou duas regiões são realizadas por vez.
• A lipoaspiração pode ser realizada nos braços, costas, dorso, flancos, abdome e coxas. Já a criolipólise apenas pode ser realizada nos flancos, abdome inferior e coxas.
• Na lipoaspiração pode–se retirar uma grande quantidade de gordura com maior controle, assim caso exista uma região com maior acúmulo de gordura localizada o tratamento é realizado de uma só vez. Na criolipólise não se tem um controle da quantidade de gordura que é retirada e a técnica está bem longe de ser capaz de oferecer os resultados de uma lipoaspiração.
• Apesar de ser um tratamento não invasivo, a crioterapia não é isenta de complicações, pode se observar vermelhidão, manchas roxas e dormência nas regiões tratadas.

As vantagens da lipoaspiração em relação aos métodos não invasivos ainda são maiores, pois é retirada totalmente a gordura localizada, melhorando a definição do contorno corporal. Os resultados são imediatos existindo ainda a possibilidade de combinar outros procedimentos cirúrgicos, como prótese de mama e enxerto de gordura no glúteo.

A quantidade de gordura retirada é calculada baseada no peso do paciente, cerca de 5 a 7 % do peso, e podendo ser lipoaspirado até 40 % da superfície corpórea. Já a criolipólise reduz a gordura entre 20% a 30%, porém não é capaz de retirá-la por completo (lembrando, porém, que não é um procedimento isento de riscos).

A lipoaspiração continua sendo o procedimento cirúrgico estético mais realizado, de acordo com as estatísticas atuais da SBCP (Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica). Ao contrário do que alguns acreditam, ela não é mais arriscada ou complicada que outros tipos de cirurgia.

Quer saber mais sobre cirurgia plástica? Continue acompanhando meu blog e me siga através das redes sociais.

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp